Lobby & Mídia: Departamento de Estado dos EUA pelo monopólio dos transgênicos da Monsanto


Um dia os Políticos, Empresários e a Mídia que insistem em fazer “Leis” para favorecer os interesses das grandes corporações nacionais e internacionais em ~prejuízo do povo ~ sentarão no banco dos réus e serão condenados!

***********

Atualmente, para a diretora executiva da Food & Water Wach, Wenonah Hauter,

“o governo dos EUA esta negociando acordos secretos de comércio com a Europa e países da costa do Pacífico para forçar os países céticos e indispostos a aceitar os transgênicos, e assim, comercializá-los sem que sejam rotulados como transgênicos”.

***********

A Indústria da Comida e as Questões Alimentárias 

Prá Frente Brasil, o Ogronegócio e os Ogros do Negócio 

O Veneno está na Mesa  documentário de Silvio Tendler

************

Relatório detalha como funcionavam as campanhas anuais dos EUA que incluíam até “cobertura jornalística favorável”

Escrito por: Hora do Povo

Fonte: CUT

Relatório da Food & Water Wach, organização norte-americana de defesa do consumidor, sem fins lucrativos, publicado na terça-feira (14), mostra o lobby do Departamento de Estado norte-americano em defesa do monopólio da Monsanto, e outras corporações similares, por todo o mundo. O documento analisa cerca de 900 correspondências diplomáticas do Departamento de Estado norte-americano filtradas pelo WikiLeaks, entre 2005 e 2009, e demonstra como Washington negocia a favor das corporações em “países alvo”, principalmente na América Latina e África.

A estratégia do Departamento de Estado norte-americano se baseia em promover os interesses comerciais dessas corporações, flexibilizar a regulamentação existente nos países e pressionar para aumentar a exportação de seus transgênicos.

O relatório detalha como funcionavam as campanhas anuais dos EUA para “encorajar o uso de biotecnologia agrícola”, direcionando as embaixadas americanas a “realizar uma agenda ativa para os transgênicos”. Por exemplo, encorajando as embaixadas a pressionar os países por redução de barreiras comerciais em benefício das corporações, além de estimular e promover campanhas “divulgando os transgênicos como uma ferramenta de desenvolvimento”.

Frente a reação mundial contra os transgênicos, o documento afirma que houve uma campanha global para “promover a compreensão e aceitação”, bem como “ampliar o apoio ao comércio com os EUA e também ao desenvolvimento de posições políticas favoráveis aos alimentos geneticamente modificados”. Nos países onde a oposição era muito alta, as embaixadas eram mais cautelosas, e o governo norte-americano recorria a novas organizações não governamentais favoráveis aos transgênicos, como no Peru e Uruguai.

Em alguns países as embaixadas realizavam cobertura jornalística favorável diretamente ao publico. Em Hong Kong chegaram a distribuir DVD’s em todas as escolas defendendo os transgênicos.

Em 2005 a embaixada norte-americana no Brasil afirmou que sua “intensa campanha foi um importante catalisador” para lei que legalizou o cultivo de transgênicos.

Atualmente, para a diretora executiva da Food & Water Wach, Wenonah Hauter,

“o governo dos EUA esta negociando acordos secretos de comércio com a Europa e países da costa do Pacífico para forçar os países céticos e indispostos a aceitar os transgênicos, e assim, comercializá-los sem que sejam rotulados como transgênicos”.

Sobre midiacrucis

Rompendo o apartheid-midiático. Buscando informações que o PIG omite, distorce, oculta...desinforma.
Esse post foi publicado em Agricultura, Agronegócio, América Latina, Bankgangster, Brasil, Capitalismo, Cidadania, Dilma, Direitos Humanos, Midia Venal, Midiacracia, MST, PIG, Política, PT, SIP, Soberania, Terras e marcado , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para Lobby & Mídia: Departamento de Estado dos EUA pelo monopólio dos transgênicos da Monsanto

  1. Pingback: Eis a refinada capa de “#AC”, o álbum que Ana Carolina lança em junho | SCOMBROS

  2. Qual a finalidade dos transgênicos? Cultivar plantas mais produtivas e resistentes a pragas? NADA DISSO! Pegue um grão de soja transgênica que você plantou e o coloque na terra. Decorridos 15 dias, vai constatar que esse grão não germinou. Os grãos das plantas transgênicas não germinam, se você quiser plantar mais soja terá que comprar as sementes à Monsanto que domina por aqui. O País fica atrelado à Monsanto para semear grãos, mas a finalidade maior é adulterar todas as plantas que produzam para a alimentação, deixando os países presos à “vontade” da Monsanto e dos EUA.

    • midiacrucis disse:

      Exatamente, Marcos, o que eles fazem é acabar com o ciclo da vida. No entanto, mantem “seu” Banco de sementes do mundo inteiro em Svalbard http://resistir.info/varios/engdahl_sementes_p.html . Eles sabem que um dia serão os donos do alimento e o mundo terá que se ajoelhar aos seus pés e pagar o preço que estipularem. Governo brasileiro precisa acordar e expulsar a Monsanto et caterva, limpar nossas terras, ares, águas e proteger nossa população.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s